Deputado Giovani Cherini lança o PROSIM – Práticas Integrativas em Saúde nos Municípios

Foto: Ministro Ricardo Barros e Deputado Giovani Cherini juntos em defesa das PIC’S | Créditos: Rodrigo Nunes/MS Deputado Giovani Cherini lança o PROSIM – Práticas Integrativas em Saúde nos Municípios Já está disponível na sua página, na internet, o cadastro de terapeutas e profissionais da área de saúde, que desejam fazer parte do PROSIM – Práticas Integrativas nos Municípios. O PROSIM tem como objetivo desenvolver as práticas integrativas nos municípios para erradicar o câncer, hipertensão, depressão e suicídios, ou seja, melhorar  a qualidade de vida das pessoas. Será formado por uma Rede de Terapeutas, Profissionais de Saúde, Instituições, Escolas PICs (Promotor de Saúde Integral no Município), e pessoas da sociedade (Promotor de Saúde Integrativa Individual), através da prestação de serviços dessas instituições e desses profissionais à comunidade, integralmente voluntário e gratuito. Para o deputado federal Giovani Cherini, algo precisa ser feito, e rápido, na área da saúde. “A humanidade adoece em ritmo acelerado, como nunca aconteceu antes na história, apesar dos recursos tecnológicos disponíveis e do desenvolvimento de novos medicamentos capazes de atacar os sintomas das doenças, porém não combatem as causas das mesmas. Por isso, muitos cientistas, mundialmente reconhecidos, apontam como solução para esse problema, um novo olhar para a saúde de modo integral”, afirma o parlamentar, que é Presidente da Frente Parlamentar de Práticas Integrativas em Saúde, no Congresso Nacional. Giovani Cherini entende que é necessário mudarmos o paradigma da doença no nosso país. “No RS temos altos índices de óbito por neoplasia, doenças cardiovasculares e respiratórias, entre outras. Aumentam também os índices de transtornos mentais, suicídios, depressão e outras patologias. As Práticas Integrativas podem ajudar muito no...

Vale dos Vinhedos será a “Capital Nacional do Enoturismo”

Vale dos Vinhedos será a “Capital Nacional do Enoturismo” A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania aprovou proposta do deputado Giovani Cherini (PR-RS) que transforma o Vale dos Vinhedos, no Rio Grande do Sul, na Capital Nacional do Enoturismo (turismo do vinho). O Projeto de Lei 4794/12 recebeu parecer favorável do deputado Covatti Filho (PP-RS). Ele recomendou igualmente a aprovação do PL 4795/12, que tramita apensado e também é de autoria de Cherini. Este cria a Rota Nacional do Turismo Enológico, composta por 14 cidades gaúchas produtoras de vinho. Os dois projetos tramitam em caráter conclusivoe devem ser transformados em um texto único, que segue para o Senado, a não ser que haja recurso aprovado para que a matéria seja analisada no Plenário da Câmara. Delimitação O projeto principal (PL 4794) delimita o Vale dos Vinhedos como o triângulo formado pelas cidades gaúchas de Bento Gonçalves, Monte Belo do Sul e Garibaldi. Já a Rota Nacional do Turismo Enológico (PL 4795) abrange as cidades de Antônio Prado, Bento Gonçalves, Carlos Barbosa, Caxias do Sul, Farroupilha, Flores da Cunha, Garibaldi, Gramado, Guaporé, Monte Belo do Sul, Nova Pádua, Nova Roma do Sul, Santa Tereza e Veranópolis. Tanto o Vale dos Vinhedos como a rota nacional do turismo enológico têm entre seus objetivos o desenvolvimento do potencial turístico regional; o fortalecimento e a ampliação da vitivinicultura; o desenvolvimento da produção industrial da uva e derivados; a organização produtiva de comunidades locais relacionadas a vitivinicultura; e a difusão da enologia. As duas áreas deverão ter sistema gerenciador de zoneamento ecológico-econômico, estímulo às atividades festivas durante a colheita da uva e fomento a eventos...

RENOVAÇÃO DA FILANTROPIA DA EMATER E SOLUÇÃO PARA O IMPASSE COM OS TÉCNICOS AGRÍCOLAS

RENOVAÇÃO DA FILANTROPIA DA EMATER E SOLUÇÃO PARA O IMPASSE COM OS TÉCNICOS AGRÍCOLAS O Coordenador da Bancada Gaúcha no Congresso Nacional, deputado Federal Giovani Cherini (PR), já dá como certa a renovação da filantropia da EMATER, que vence no dia 11 de março. A articulação da Bancada Gaúcha com o Governo Federal e, em especial, com o Ministro  do Desenvolvimento Social, Deputado Federal Osmar Terra, leva a crer que, mais uma vez, o serviço da Assistência Técnica e Extensão Rural estarão garantidos por mais alguns anos.  O deputado credita o êxito da renovação ao Governador Sartori que, através da SDR, tem buscado uma solução para que as 250 mil famílias de agricultores, em especial os familiares, os assentados da reforma agrária, os indígenas, os quilombolas, e os 2.,5 mil funcionários, não sejam prejudicados. Por outro lado, Cherini voltou a exigir da direção da EMATER, uma solução para o impasse entre o Sindicato dos Técnicos Agrícolas e a empresa. No mês passado o deputado cobrou, através de ofício, o fim da discriminação dos técnicos agrícolas. A resposta da EMATER, por meio do Of GP/Nº 017/2017 não satisfez o deputado por conter informações distorcidas em relação às que o SINTARGS passou a ele. “Caso não tenhamos uma solução, ainda neste mês de março, vou sugerir que a Bancada Gaúcha discuta este tema chamando, para a reunião, a direção da EMATER e a do SINTARGS.  “Acho difícil a diretoria da empresa justificar o fato de que só os técnicos agrícolas não merecem receber o mesmo aumento que foi concedido aos demais funcionários”, afirma Cherini. A direção da EMATER concedeu 9,3% para...

RENOVAÇÃO DA FILANTROPIA DA EMATER E SOLUÇÃO PARA O IMPASSE COM OS TÉCNICOS AGRÍCOLAS

O Coordenador da Bancada Gaúcha no Congresso Nacional, deputado Federal Giovani Cherini (PR), já dá como certa a renovação da filantropia da EMATER, que vence no dia 11 de março. A articulação da Bancada Gaúcha com o Governo Federal e, em especial, com o Ministro  do Desenvolvimento Social, Deputado Federal Osmar Terra, leva a crer que, mais uma vez, o serviço da Assistência Técnica e Extensão Rural estarão garantidos por mais alguns anos.  O deputado credita o êxito da renovação ao Governador Sartori que, através da SDR, tem buscado uma solução para que as 250 mil famílias de agricultores, em especial os familiares, os assentados da reforma agrária, os indígenas, os quilombolas, e os 2.,5 mil funcionários, não sejam prejudicados. Por outro lado, Cherini voltou a exigir da direção da EMATER, uma solução para o impasse entre o Sindicato dos Técnicos Agrícolas e a empresa. No mês passado o deputado cobrou, através de ofício, o fim da discriminação dos técnicos agrícolas. A resposta da EMATER, por meio do Of GP/Nº 017/2017 não satisfez o deputado por conter informações distorcidas em relação às que o SINTARGS passou a ele. “Caso não tenhamos uma solução, ainda neste mês de março, vou sugerir que a Bancada Gaúcha discuta este tema chamando, para a reunião, a direção da EMATER e a do SINTARGS.  “Acho difícil a diretoria da empresa justificar o fato de que só os técnicos agrícolas não merecem receber o mesmo aumento que foi concedido aos demais funcionários”, afirma Cherini. A direção da EMATER concedeu 9,3% para todas as categorias e oferece (não pago), apenas, 3,03% para os técnicos agrícolas.  ...

DEPUTADO FEDERAL GIOVANI CHERINI DESTINA R$ 1 MILHÃO PARA SÃO BORJA

DEPUTADO FEDERAL GIOVANI CHERINI DESTINA R$  1 MILHÃO PARA SÃO BORJA O deputado Giovani Cherini (PR), solicitou ao Ministério dos Transportes a liberação do uso de 800 trilhos de trem, estimados em cerca de R$ 1 milhão, remanescentes da extinta RFFSA, empresa estatal brasileira de transporte ferroviário.  O pedido foi confirmado pelo Ministério e, agora, a prefeitura de São Borja, beneficiária, está encaminhando a documentação legal para poder vender ou fazer uso destes trilhos em alguma obra pública. O deputado também sugeriu a prefeitura que faça a solicitação do  mobiliário da empresa,  bem como os vagões, para serem colocados no prédio da antiga estação férrea do município e transforma-lo em museu, criando mais um atrativo turístico para São Borja. O parlamentar solicitou ao Diretor do DELCON –  Delegação de Controle, Major Elcio, que faça uma pesquisa na região para identificar possíveis casos parecidos como...

BANCADA GAÚCHA DEFENDE A RENOVAÇÃO DA FILANTROPIA DA EMATER

BANCADA GAÚCHA DEFENDE A RENOVAÇÃO DA FILANTROPIA DA EMATER Com o certificado de entidade beneficente de assistência social perto de expirar, no próximo dia 11 de março, o Coordenador da Bancada Gaúcha no Congresso Nacional, o deputado federal  Giovani Cherini (PR-RS) anunciou que a renovação da Filantropia da EMATER é uma das prioridades neste ano. Em 2015, Cherini   coordenou várias reuniões da Bancada Gaúcha com a participação dos demais deputados e senadores, o Secretário Estadual de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo, Tarcísio Minetto e o presidente da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural no Estado (Emater/RS), Clair Kuhn, conseguiu,  junto ao Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), que fosse exarada a portaria 72/15, que concedeu certificado de filantropia à Emater/Ascar. “Temos que trabalhar, agora,  junto ao Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA), não só pela renovação da Filantropia, que está por vencer, mas pelo  reconhecimento da filantropia desde 2009, o que ainda segue pendente. Sem o caráter de filantrópica, a EMATER fecha, e isso não pode acontecer”, afirma Cherini. O certificado que está por vencer foi concedido em junho de 2015, e compreendia o período de 12 de março de 2015 a 11 de março de 2017. Procurado pelo Sindicato dos Técnicos Agrícolas do RS – SINTARGS, que quer  novamente se somar a Bancada  Gaúcha na luta pela defesa da EMATER, Cherini mostrou-se preocupado com a discriminação que os Técnicos Agrícolas vêm sofrendo dentro da EMATER. “Em um momento em que todos precisamos nos unir em torno da Extensão Rural, não vejo com bons olhos o fato da EMATER conceder 9,3%  de reposição salarial e, apenas, 3,03% para...

A Medicina Indiana

Há cerca de um mês, eu me reuni, na condição de presidente da Frente Parlamentar de Práticas Integrativas do Congresso Nacional, com o Embaixador da India no Brasil, Sunil Lal, para tratar do reconhecimento da Medicina Indiana no Brasil e a participação do governo indiano,  através do Ministério da Ayush, no 11º Encontro Holístico Brasileiro, a ser realizado de 24 a 26 de março de 2017, em Porto Alegre.  Porque defendemos a Medicina Indiana! A tradicional medicina indiana é também conhecida como Ayurveda, que significa “ciência da vida”. Esta palavra origina-se de duas raízes sânscritas: ayus, significando “vida”, e veda, significando “sabedoria” ou “ciência. É considerada como a mais antiga ciência da saúde, sendo frequentemente lembrada como a “mãe de toda a saúde”, já que, a partir dela, muitas outras formas de medicina emergiram. Com o intuito de oficializá-la no Brasil, apresentamos o Projeto de Lei n. 4884/2016, que regulamenta a profissão de Terapeuta Ayurveda. Ayurveda caracteriza-se por ser transdisciplinar, sendo a sua atuação, principalmente, nas áreas da saúde, da higiene, da ecologia, da educação e da psicologia. Em várias partes do mundo, tem demonstrado ser um eficaz recurso disponível para a atenção em saúde, extensivamente documentado e validado cientificamente. Utiliza, de forma racional e sustentável, os elementos disponíveis no local onde é aplicado e conforme as circunstâncias sazonais, na forma em que se oferecem. Utiliza recursos naturais, estimulando a conservação da biodiversidade e, em especial, das plantas medicinais. Apresenta menos efeitos colaterais e menor custo de tratamento para problemas de saúde dos quais trata, pois visa o reconhecimento do processo e a retirada das causas mais comuns, como...

MAIS DE R$ 370 MIL PARA NOVO HAMBURGO

Com o empenho do Deputado Giovani Cherini (PR-RS), foi liberada nesta semana, junto ao Ministério das Cidades, a primeira parcela de recursos para obra de pavimentação e recapeamento asfáltico no município de Novo Hamburgo, no valor de R$370.175,00, equivalente a 50% do valor total do projeto. “A liberação desses recursos demonstra meu trabalho suprapartidário, que busca a melhoria da qualidade de vida de todos os gaúchos e, tão logo seja executada a metade da obra, trabalharei para a liberação dos recursos restantes”, ressaltou o...

Aprovado projeto que trata do funcionamento de Cooperativas Sociais

Aprovado projeto que trata do funcionamento de Cooperativas Sociais A Comissão de Seguridade Social aprovou, dia 9 de novembro,  o PL 6358/2013, de autoria do deputado Giovani Cherini, que dispõe sobre a criação e o funcionamento de Cooperativas Sociais, visando à integração social dos cidadãos. Atendendo solicitação da OCERGS/OCB, a iniciativa busca erradicar e corrigir ato do Poder Executivo, que vetou proposta legislativa, a qual trazia dispositivos ora propostos, nos termos que seguem abaixo: “A aplicação, no que couber, das Leis nos 5.764, de 16 de dezembro de 1971 e 8.742, de 7 de dezembro de 1993, é por demais abrangente ao dispor de assunto de grande repercussão na previdência social. Permitir que a cooperativa que visa intermediar mão-de-obra usufrua das vantagens concedidas às entidades ali mencionadas desvirtuaria a Lei Orgânica de Assistência Social.” Segundo o deputado Giovani Cherini, nota-se imensurável equívoco na interpretação da proposta legislativa vetada, eis que evidentemente a total inocorrência de intermediação de mão-de-obra dentre as atividades prestadas pelas Cooperativas Sociais. “O veto foi ensejado tão somente por uma interpretação equivocada a respeito do papel de uma Cooperativa Social, fato que se busca ver corrigido, pois flagrante o equívoco e a inadequação do aludido veto ao papel que o constituinte conferiu ao Cooperativismo e que o legislador ordinário pretendeu atribuir às Cooperativas Sociais”, afirma o autor da proposta. Mantida a redação atual da norma, as Cooperativas Sociais continuarão sofrendo imensas dificuldades na consecução de suas atividades e na viabilização do objeto para o qual foram constituídas, podendo, por vezes, inclusive perder a sua razão de existir, pondo a perder todo o trabalho de inclusão no...

MAIS UM PASSO: APROVADA REGULAMENTAÇÃO DO NATURÓLOGO

Foi aprovado por unanimidade, na Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara dos Deputados, o PL 3804/2012de autoria do deputado Giovani Cherini (PR-RS), que regulamenta a profissão de naturólogo. A proposição, além da regulamentação da profissão, disciplina o seu exercício representando um grande avanço para diversos profissionais de saúde. Para Cherini “a regulamentação da profissão de naturólogo representará um grande avanço, pois atualmente precisa-se da difusão de outras práticas holísticas, sem necessariamente estar se opondo à medicina tradicional, tendo em vista as carências do sistema público de saúde”. Agora, o projeto, já aprovado pela Comissão da Educação e pela Comissão de Seguridade Social e Família, segue rumo à Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público, para discussão de mérito e pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania para análise de constitucionalidade, sem necessariamente ter que passar pela deliberação do Plenário da Câmara. É considerado Naturólogo o profissional que exerce a Naturologia e utiliza técnicas e procedimentos terapêuticos que através da visão integral do ser, visando a promoção e a recuperação da...

MAIS UM PASSO: APROVADA REGULAMENTAÇÃO DO NATURÓLOGO

Foi aprovado por unanimidade, na Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara dos Deputados, o PL 3804/2012 de autoria do deputado Giovani Cherini (PR-RS), que regulamenta a profissão de naturólogo. A proposição, além da regulamentação da profissão, disciplina o seu exercício representando um grande avanço para diversos profissionais de saúde. Para Cherini “ a regulamentação da profissão de naturólogo representará um grande avanço, pois atualmente precisa-se da difusão de outras práticas holísticas, sem necessariamente estar se opondo à medicina tradicional, tendo em vista as carências do sistema público de saúde”. Agora, o projeto, já aprovado pela Comissão da Educação e pela Comissão de Seguridade Social e Família, segue rumo à Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público, para discussão de mérito e pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania para análise de constitucionalidade, sem necessariamente ter que passar pela deliberação do Plenário da Câmara. É considerado Naturólogo o profissional que exerce a Naturologia e utiliza técnicas e procedimentos terapêuticos que através da visão integral do ser, visando a promoção e a recuperação da...

Mais de R$2,5 milhões para o Consórcio G8

MAIS RECURSOS PARA 8 MUNICÍPIOS GAÚCHOS Atendendo ao apelo de diversas lideranças municipais, lideradas pelo prefeito de Progresso, Edegar Cebaro, o deputado federal Giovani Cherini (PR-RS), coordenador da Bancada Gaúcha no Congresso Nacional,  intercedeu junto à FUNASA para a confirmação do pagamento de mais de R$2,5 milhões para o Consórcio Público Intermunicipal Para Assuntos Estratégicos do G8 – CIPAE G8 – para a coleta, transporte e  segregação de resíduos sólidos, além de campanhas de conscientização e preservação ambiental. O valor corresponde à primeira parcela de um convênio, equivalente  a mais de 50% do valor total e beneficia os municípios de Boqueirão do Leão, Cruzeiro do Sul, Progresso, Canudos do Vale, Santa Clara do Sul, Sério, Forquetinha e Marques de Souza. “Trata-se de importante passo para a melhoria da qualidade de vida da população desses municípios e para o cumprimento das Metas Municipais de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos”, ponderou o deputado Giovani Cherini....

A participação da mulher na política

A PARTICIPAÇÃO DA MULHER NA POLÍTICA Por: Adriane Cerini – Presidente do PR Mulher do RS O Partido da República do Rio Grande do Sul está fazendo na prática o que, para muitos, é só teoria e fica só no discurso. Montou o novo diretório estadual do PR/RS, composto por 50% homens e 50% mulheres. O diretório municipal de Porto Alegre seguiu o mesmo critério e a criação de novas comissões provisórias seguirão, rigorosamente, esta orientação. A iniciativa do partido vem ao encontro da campanha Mulher na Política, lançada pelo Tribunal Superior Eleitoral, para estimular a participação feminina nas eleições municipais. A mulher não pode ser lembrada apenas no período eleitoral. Ela precisa participar ativamente da vida partidária, em condições igualitárias, podendo se manifestar, impositivamente, como militante e dirigente.  Se formos olhar no retrovisor da história, veremos que a mulher sempre enfrentou dificuldades para participar da política. Devemos muito a Alzira Soriano, primeira mulher a ocupar um cargo eletivo, em 1928, no Rio Grande do Norte, pelo então Partido Republicano.  Em 1933, Carlota Pereira foi a primeira mulher a ser eleita deputada federal e Eunice Michiles foi a primeira senadora, assumindo o cargo como primeira suplente do senador João Bosco de Lima, já no final da década de 70. Já na década de 80, Maria Esther foi a primeira ministra no Brasil. Esta é a breve história do que podemos relatar até a década de 80, sem esquecer que o direito do voto feminino foi obtido em 1932, porém era restrito apenas a mulheres casadas e com autorização do marido. Nos tempos que correm, notamos que a participação da mulher...

SEMANA PADRE LANDELL DE MOURA

PADRE LANDELL DE MOURA. O HERÓI NACIONAL GAÚCHO De 24 a 30 de setembro, acontece no Rio Grande do Sul a “Semana Padre Landell de Moura”, lei 11.384/99. Este gaúcho genial possuía uma clareza de visão, percepção e raciocínio que o colocavam há alguns anos-luz de muitos intelectuais e cientistas de seu tempo. Demonstrou, publicamente, através de aparelho de sua invenção, que o corpo humano e demais corpos e objetos, possuíam um halo luminoso ao seu redor, quando eram expostos a um campo eletromagnético de alta voltagem e de alta freqüência. Hoje, sabemos que se trata da aura que circunda a tudo e a todos. Porém, ele considerou o assunto apenas como uma curiosidade científica, que recebeu o nome genérico de “Efeito Corona”. Além de sacerdote, também era formado em Física e Engenheiro Politécnico. Em Porto Alegre, com a máquina que batizou de “Máquina de Bioeletrografia”, tirou uma série enorme de fotos e batizou o halo em torno dos seres humanos de “Perianto”.  Pesquisou sobre o assunto durante 8 anos, até 1912. Assim, tornou-se o pioneiro das pesquisas científicas e sistemáticas na área da Bioeletrografia, a nível nacional e mundial. No entanto, a Igreja a qual servia não permitiu que fosse mais adiante em suas pesquisas, por motivos puramente doutrinários e preconceituosos. Roberto Landell de Moura nasceu em 21 de janeiro de 1861, em Porto Alegre, na rua que é hoje conhecida como Marechal Floriano. Descobriu a transmissão sem fio, ou rádio, como é hoje conhecido, foi precursor da radiotelefonia, o bandeirante da própria televisão, o descobridor das Ondas Landelleanas. Seu mérito é ainda maior, se considerarmos que desenvolveu...

AÇÕES EM DEFESA DO TRADICIONALISMO DO RS

Com orgulho, o parlamentar que mais se dedica a trabalhar pela valorização da cultura tradicionalista do nosso Rio Grande tendo-o tornado Conselheiro Honorário do Movimento tradicionalista gaúcho – MTG.   CONHEÇA ALGUMAS DAS AÇÕES – Apresentação do Projeto de Lei nº 926/2011 que busca conferir a este legítimo representante da cultura gaúcha o reconhecimento de Patrimônio Histórico e Cultural do Brasil; – Autor da Lei 11.929, que institui o churrasco como prato típico e o chimarrão como bebida símbolo do Rio Grande do Sul e estabelece o dia 24 de abril como o Dia do Churrasco e Dia do Chimarrão;  – Autor da Lei 12.150 que declara como integrante do patrimônio histórico e cultural do Estado o Acampamento Farroupilha; – Autor da Lei 12.150 que declara a como integrante do patrimônio histórico e cultural do Estado o Cipreste Farroupilha, de Guaíba;  – Autor da Lei 12.992 que declara como integrante do patrimônio histórico e cultural do Estado e escultura-símbolo, a estátua do Laçador, – Autor da Resolução nº 2.708, institui o Prêmio Teixeirinha que tem como objetivos homenagear, anualmente, cantores, cantoras, trovadores, trovadoras, declamadores, declamadoras, compositores… enfim, o melhor da cultura rio-grandense, – Autor da Coleção Símbolos do RS: Oficialmente, símbolos do Rio Grande do Sul são DEZ: a árvore é a erva-mate (Lei 7.439); a bebida é o chimarrão (Lei 11.929); a ave é o quero-quero (Lei 7.418); a flor é o brinco-de-princesa (Decreto 38.400); o animal é o cavalo crioulo (Lei 11.826); a planta medicinal é a marcela (Lei 11.858); a escultura é a Estátua do Laçador (Lei 12.992); a gaita é o instrumento-símbolo (Lei 13.513); as carreiras de cavalos em cancha reta o esporte equestre (Lei...

Categorias

Cidades

Confira o trabalho dos deputado Giovani Cherini pelas cidades do Rio Grande do Sul. Aproxime o mapa com seu mouse e clique sobre os marcadores. Se preferir, também pode clicar na lista ou pesquisar abaixo do mapa.